Mais capacidade de carga e robustez. O novo Volvo VM 330 6×4 chega para trazer maior produtividade e rentabilidade, principalmente nos trabalhos de terraplenagem, mineração leve e construção.

A linha VM já possui diferentes configurações para aplicações diversas. Agora, mais uma vez, a Volvo inova com um caminhão com capacidade de carga intermediária e adequado a aplicações onde a intensidade e a severidade não exigem veículos de maior potência. São 5,3 toneladas a mais de capacidade de carga que a versão anterior, totalizando um PBT(Peso Bruto Total) de 32 toneladas. Como todos os modelos da linha, o bruto vem com alta disponibilidade, baixo consumo de combustível, baixa manutenção e uma cabine de fácil acesso e que proporciona grande conforto para o motorista.

Quem já é experiente no trabalho fora da estrada sabe bem as necessidades que um veículo precisa ter. É por isso que o novo VM 330 6×4 possui alguns dos principais componentes do já consagrado FMX, como os robustos eixos trativos com redução nos cubos, o eixo dianteiro de viga reta, e a mesma caixa de câmbio I-Shift já utilizada no FMX. Fora isso, ele também herdou os mesmos freios a tambor Z came que garantem maior durabilidade das lonas e maior capacidade de frenagem, além de trazer mais segurança na operação. Já os cilindros de freios traseiros foram montados sobre os eixos, posição que garante maior segurança para os componentes, protegendo-os de eventuais danos causados por obstáculos no solo. O vão livre maior na área sob os eixos também permite uma operação mais segura em estradas sem asfalto.

VM_32TON_1200x1200_02

O eixo dianteiro, que na versão anterior, suportava 6,7 toneladas, agora está preparado para 8 toneladas. Os eixos traseiros, que antes eram projetados para 20 toneladas, no veículo novo suportam 24 toneladas; eles têm também redução nos cubos e vêm de fábrica com bloqueio de diferencial entre rodas e entre eixos, assegurando excelente desempenho em pisos escorregadios. Esta condição confere ao transportador um conjunto mais robusto e com maior durabilidade.

E o que falar da caixa de câmbio I-Shift? É a mesma que os extrapesados da Volvo. Uma tecnologia que proporciona uma sensível redução no consumo de combustível, menor custo de manutenção e mais conforto para o motorista.

O novo VM 330 6×4, mais robusto e com maior capacidade de carga em sua categoria, vai ser comercializado no Brasil e em todos os demais países da América Latina que utilizam a norma Euro 5 de emissões. Ainda este mês, os primeiros modelos serão enviados para a rede de concessionárias.