Seja empresário, autônomo ou motorista, todos sabem que encarar o trecho não é uma atividade barata. Cada decisão pode representar uma economia ou uma despesa a mais no seu bolso. Por isso é importante ficar atento a pequenos detalhes que, no fim do mês, podem fazer muita diferença:

– Abastecer no posto mais barato nem sempre é vantagem. Dê preferência aos postos de combustíveis de confiança, onde você sabe que vai encontrar diesel de qualidade e que não irá prejudicar o funcionamento do seu cargueiro.

– Planejar a rota antes de partir é importante para ver qual a distância a ser rodada, o tempo que você vai levar e quanto terá que abastecer. Sair sem planejamento pode resultar em gastos desnecessários (como escolher um caminho mais longo quando estiver no trecho).

– Para o estradeiro que percorre longas distâncias, existem gastos fixos (como as refeições) e gastos esporádicos (como cafezinho depois do almoço, lanches, etc.). Por isso é importante anotar as despesas extra para ter conhecimento de onde o seu dinheiro está sendo aplicado.

– Conferir os pneus antes de partir também é importante. Quando estão bem calibrados, o seu desgaste é menor e o consumo de combustível também é reduzido.

– A peça paralela pode ser mais barata que a genuína. No entanto, as peças genuínas, além de durarem mais, não prejudicam o funcionamento da parte mecânica do cargueiro.

– Ao parar em algum lugar, peça a senha da rede Wi-fi. Lugares com conexão podem auxiliar o contato com a família, e o que é melhor: custo zero.