Todo estradeiro conhece bem os riscos do trecho. Entre eles está o roubo de cargas e caminhões. Não é a toa que cerca de 20% da receita das empresas de transporte é em segurança. Por ano, o prejuízo causado por quadrilhas organizadas pode chegar a R$ 800 milhões. Mas acima de todos estes valores está a vida de quem assume o volante do cargueiro. Por isso, reunimos algumas dicas essenciais sobre como agir e se proteger diante da abordagem de ladrões:

PREVENÇÃO

– Estacione sempre em áreas bem iluminadas e que você já conheça para fazer paradas. Evite lugares desertos e isolados. Da mesma forma, evite fazer pausas longas em acostamentos.

– Durante as paradas, evite comentar com estranhos informações sobre a carga e a rota a ser realizada.

– Caronas para estranhos nem pensar.

– Fique atento se pessoas estranhas ficarem em volta do seu caminhão durante uma parada.

– Antes de partir de qualquer ponto, verifique mangueiras, cabos, freios e outros componentes vitais.

– Nunca deixe os documentos do bruto e papéis importantes dentro do porta-luvas. Mantenha eles sempre consigo.

– Estabeleça rotinas de contato com patrões e familiares.

NO TRECHO

– Fique de olho em qualquer movimentação estranha, como veículos lhe seguindo por muito tempo. Avise na hora a Polícia Rodoviária pelo número 191.

– Se baterem de propósito no seu caminhão, mantenha portas e janelas trancadas e siga viagem até o próximo posto policial.

– Dificulte o quanto puder a escalada de ladrões à cabine do seu cargueiro.

– Em caso de acidente, veículos parados na estrada ou qualquer situação anormal, opte por avisar a Polícia Rodoviária à parar no acostamento.

– Atenção na área onde você deve pegar a carga. Nessas regiões é que ocorrem a maioria das abordagens.

– Viaje de dia e descanse à noite. Mas se optar por seguir no trecho após o sol se pôr, procure formar comboios com outros estradeiros.

NA ABORDAGEM

– Mantenha a calma, não reaja nem encare os bandidos. Acima do caminhão e da carga, está a sua vida.

– Evite realizar movimentos rápidos ou bruscos demais. Sempre diga o que você vai fazer, para que eles não se sintam surpreendidos e tenham uma reação premeditada.

– Guarde mentalmente o maior número de detalhes da abordagem. As informações serão essenciais na investigação e busca pelos criminosos.

– Ao ser liberado pelos bandidos, procure o posto policial mais próximo para comunicar a ocorrência.