Você sabia que existem mais de dez formatos diferentes de carroceria para caminhões de lixo? Isso acontece porque cada modelo de caçamba possui configurações únicas, e precisa que o veículo tenha características específicas para seu transporte.

Segundo Marcus Olsson, gerente regional da Volvo na Suécia, o mais importante é que o cliente converse com o consultor de vendas da Volvo para identificar o tipo de trabalho que o bruto irá realizar, para depois falar com o fabricante do implemento e definir as devidas adaptações. A área de Engenharia de Vendas Volvo está pronta para auxiliar frotistas e autônomos, não apenas na correta decisão de compra, mas também na otimização da composição.

O chassi de um Volvo tem componentes muito bem posicionados, facilitando o trabalho de quem produz a carroceria. Ele é totalmente reto, deixando mais fácil o ajuste do implemento. A abertura do chassi para receber o motor fica abaixo da cabine, fazendo com que haja balanceamento na distribuição de carga. Além disso, a Volvo oferece várias opções de entre-eixos, favorecendo um correto posicionamento da carroceria sem a necessidade de alongamentos desnecessários. “Quando os componentes estão totalmente retos não é necessário adaptar o implemento à carroceria. Ela pode ser, simplesmente, colocada no lugar e parafusada”, explica Marcus Olsson.

Os caminhões da Volvo estão preparados para qualquer carroceria. Mas é importante avaliar qual a configuração ideal de chassi, trem de força e cabine. Assim você garante maior eficiência e aproveitamento do bruto no trabalho que realizar.