A evolução da tecnologia fez caminhões com motores mais resistentes e duráveis – prova disso está no nosso Facebook, onde os estradeiros compartilham histórias de seus brutos da Volvo, que ultrapassam a marca de um milhão de quilômetros rodados sem precisar mexer na mecânica. A manutenção preventiva e os cuidados resultantes de boas práticas no volante colaboram para aumentar a vida útil do motor e evitar problemas que vão na via contrária, como o arrefecimento.

Falhas no sistema de controle de temperatura podem ser evitadas com hábitos simples, como o controle do nível da água e do aditivo do radiador. O aditivo é importante, pois evita ferrugem nas partes internas. Por isso é importante ficar atento na marca do produto e sua composição.

Uma dica simples, mas que por falta de atenção muitas vezes acontece, é manter a tampa do radiador e do expansor bem fechadas. Isso mantém a pressão do sistema de arrefecimento em ordem e contribui para a durabilidade do motor.