Capturar e transportar animais selvagens para manter o equilíbrio entre as diferentes espécies nas reservas naturais da África do Sul. Esse é o trabalho de uma equipe formada por 27 pessoas e um caminhão Volvo FM cor de areia na província de Free State.

Há mais de 20 anos, Petrus Motsoane trabalha no transporte de várias espécies selvagens, dentre elas zebras, rinocerontes, búfalos e leões na reserva natural da província. Com o Volvo FM, Petrus dirige por terrenos difíceis balançando-se por solos irregulares. “Dirijo este caminhão há 10 anos e nunca tive nenhum problema. É forte e resistente o suficiente para fazer tudo o que é necessário”, conta.

No grupo, há um cirurgião veterinário e um piloto de helicóptero. Para a captura de um búfalo, o helicóptero procura e persegue o animal, enquanto o cirurgião o acerta do alto com um dardo tranquilizante. Quando a tarefa é cumprida, a equipe que está em terra vai até o animal e o coloca na traseira de uma caminhonete. O búfalo, com seus mais de 1000 quilos, é então transferido para o caminhão por meio de um guindaste que o eleva desacordado. O Volvo consegue carregar até 15 búfalos, dependendo do tamanho.

Após a captura, os animais são submetidos a testes de várias doenças. Eles então são marcados com um microchip e recebem uma dose de vitamina B para fortalecer o sistema imunológico.

Depois dos exames, os búfalos ficam em quarentena antes de serem vendidos em leilão para outras reservas naturais. Petrus é o responsável pelo transporte dos animais durante as etapas, um trabalho de bastante coragem. “A melhor parte do trabalho é dirigir o caminhão na estrada. Quando eu digo aos outros motoristas o que estou levando, eles dizem que um dia esses animais vão me matar. Mas eu já faço isso há mais de 20 anos e ainda estou vivo.”

 Ative a legenda e assista ao vídeo sobre a operação :

Saiba mais sobre o trabalho nas reservas: http://mag.volvotrucks.com/pt-br/brazil/article/?art=3896&ref=1